SOU UM COLECIONADOR OU UM FILATELISTA? - Você já pensou nisso... Descubra?

Muitos amigos possuem esta duvida, então vou responder de uma forma bem prática para a continuidade desta jornada em busca da profissionalização no ramo da filatelia, não desista! Não se torne somente um colecionador... A Coleção de selos não é o mesmo que filatelia, que é o estudo dos selos. Um filatelista pode, mas não precisa, colecionar selos. Muitos colecionadores casuais de selos acumulam selos por pura diversão e relaxamento, sem se preocupar com os pequenos detalhes. A criação de uma grande ou coleção completa, no entanto, podem exigir algum conhecimento filatélico. Os selos postais são frequentemente colecionados por seu valor histórico e aspectos geográficos e também por muitos temas diferentes que têm sido descritos neles, variando de navios, cavalos, pássaros, Reis, Rainhas e Presidentes. Não importa qual o seu interesse, quase sempre há selos que irão complementa-lo. Colecionadores de selos são uma importante fonte de renda para alguns países que criam séries limitadas de selos elaborados, projetados principalmente para ser comprado por colecionadores de selos. Os selos produzidos por estes países podem exceder as necessidades postais dos países, mas pode também ter característica atrativa topical designs que muitos colecionadores gostariam de ter no seu álbum de selos.

Diversas são as maneiras de se iniciar uma coleção. Uns iniciam com selos retirados das correspondências da família ou recebidos como herança de algum parente filatelista que deixou uma coleção. Outros começam comprando os selos nas Agências dos Correios ou em casas comerciais especializadas. Na hora de decidir como você vai montar sua coleção de selos, é preciso criatividade para pensar como ela será desenvolvida. Você pode escolher o tema que mais gostar: esportes, artes, cidadania, ecologia, personalidades, meios de transporte, aviação, fatos históricos, educação, entre outros, e ilustrar a coleção com selos do Brasil e de outros países. Para ser um bom colecionador, é fundamental que você conheça, também, um pouco da história das comunicações e do selo postal.

O que é ser um filatelista?

Filatelista é o estudioso de selos postais e materiais relacionados e não precisamente um colecionador. A filatelia tem várias áreas de estudo, a saber: filatelia tradicional, história postal, pré-filatelia, marcofilia, inteiros postais, filatelia temática, aerofilatelia, astrofilatelia, maximafilia, filatelia juvenil, literatura filatélica, selos fiscais, classe aberta e um quadro.

8 Dicas importantes para quem coleciona selos:

1. Não pegue os selos com as mãos. Use sempre uma pinça especializada. Guarde-os com todo cuidado, pois são peças valiosas para sua coleção.
2. Nunca arranque um selo usado do envelope. Encha uma vasilha com água até a metade e coloque os pedaços de envelope com selos de cabeça para baixo. Em alguns minutos, os selos começarão a desgrudar dos envelopes. Vá retirando-os, um a um, e colocando-os com a face virada para baixo, em cima de uma folha de jornal, para que sequem. Atenção antes de soltar selos de cartas antigas consulte um filatelista experiente. Muitas vezes os selos sobre envelopes podem ter alto valor comercial
3. Depois de secos, pegue um a um e verifique se os picotes estão perfeitos. Os selos não podem estar rasgados ou cortados, nem raspados no verso, rabiscados a caneta. Separe os estragados daqueles que estão em perfeito estado. Não coloque selos estragados na coleção em hipótese alguma.
4. Se o selo for auto-adesivo, ele deve ser recortado do envelope com uma margem de segurança, para não correr o risco de estragar.
5. Ao destacar um selo, cuidado para não estragar os picotes. Selos sem picotes também existem.
6. Para guardá-los, adquira um álbum próprio, chamado de classificador, numa loja de comércio filatélico. Nunca use álbum de fotografia para guardá-los.
7. Não cole os selos em cadernos ou em outro material. Adquira os suportes adequados (hawid) nas lojas de comerciantes filatélicos.
8. Procure saber como outros colecionadores cuidam de suas coleções e como fazem para obter ou comprar selos diferentes, às vezes raros. Associe-se a um clube filatélico, para manter contato com outros colecionadores.

Veja Também:
Como e onde vender suas moedas.

Venda suas cédulas e moedas no facebook

O objetivo de uma coleção:

O objetivo deste hobby é selecionar selos para compor uma coleção, que pode ser geral ou temática. Existem coleções que além dos selos possui informações sobre o tema, parâmetro utilizado por muitas pessoas nas coleções temáticas.

Para iniciantes:

Enquanto entre as coleções gerais, pode-se dizer que se dividem em mundo e país. É frequente encontrar coleções com apenas selos de um país, assim como de qualquer lugar do mundo. Quando não seguem nenhum critério este tipo de coleção é usual entre iniciantes.

Uma paixão que pode unir filatelistas e colecionadores:

Apesar de diferenças entre os vários tipos de coleções, além do que foi dito, um único ideal une os filatelistas de todo o mundo: a vontade de conhecer mais sobre um lugar, objeto, pessoa, país, etc. É o conhecimento que estimula os filatelistas a continuar com seu hobby apesar da diminuição das correspondências via Correios.