100 ANOS DA IMIGRAÇÃO JAPONESA NO BRASIL – A versão da moeda que você não conhece...



Amoeda comemorativa ao Centenário da Imigração japonesa no Brasil, foi emitida em 2008, e de lá para cá, a moedinha valorizou muito no mercado numismático nacional. Alguns catálogos projetaram um valor estimado na casa dos R$ 420,00 pela peça. Mas ainda não é o momento de nos debruçarmos sobre o assunto. Antes de tudo quero lhes apresentar uma outra história da época, que parece ter ficado escondida. Talvez você não saiba, mas não fomos os únicos que emitiram uma moeda comemorativa ao fato, o Japão também emitiu uma moeda de ¥ 500 ienes em comemoração aos 100 Anos do início da Emigração Japonesa ao Brasil.

A MOEDA JAPONESA...  Um primeiro modelo foi criado, mas infelizmente não pôde ser cunhado. A primeira moeda trazia em um dos lados um monumento da cidade de Santos dedicado aos imigrantes japoneses. Mas a possibilidade de um problema legal obrigou os japoneses a escolher um novo desenho de última hora, então foi escolhido uma alegoria que combinava um mapa brasileiro e o navio Kasato Maru, que trouxe os primeiros japoneses ao Brasil.


Moeda - Japão Comemorativa aos 100 anos de Imigração Japonesa no Brasil - Moeda descontinuada por questões judiciais a esquerda, e a direita, moeda que circulou no Japão com valor facial de 500 ienes


Tudo indica que um dos motivos, por não ser mais o Monumento de Santos uma das faces da moeda, seria por causa de um problema de ¨Direitos Autorais¨.
   
O MONUMENTO...  O monumento que homenageia a chegada dos imigrantes está localizado em Santos, para quem não conhece, o monumento retrata uma família de imigrantes japoneses com roupas do século passado. Foi inaugurado em 1998, nas comemorações dos 90 anos da imigração japonesa no Brasil. O monumento é feito de bronze, concreto e granito, a estátua tem 4,45 metros de altura e pesa 9.700 kg.

A GANÂNCIA...  O governo japonês tinha assinado um contrato com um grupo de japoneses e brasileiros para usar o desenho do monumento situado em Santos na moeda, com a condição de que essa associação tivesse os direitos sobre a obra. Mas depois de tudo assinado e discutido, uma disputa entre o grupo e o autor do monumento pelos direitos sobre a obra motivou a mudança do desenho nas moedas. Então os japoneses deixaram o imbróglio judicial de lado e cunharam um desenho de flores de cerejeira e grãos de café, como símbolos dos dois países, respectivamente. Com tiragem limitada, a moeda foi disponibilizada aos bancos comuns espalhados em todo território japonês.

O PREJUÍZO... O Ministério das Finanças japonês já tinha cunhado 4,8 milhões de moedas com o desenho original, e estas moedas são bem mais procuradas do que as moedas brasileiras. O governo japonês investiu 80 milhões de ienes na época para cunhar estas moedas que infelizmente não circularam oficialmente.
Moeda definitiva


Moeda Brasil em Comemoração aos 100 anos de Imigração Japonesa

* Moeda Brasil Comemoração 100 anos de Imigração Japonesa

A MOEDA BRASILEIRA... Agora chegou a hora de falar sobre a nossa versão da moeda. Ela foi lançada no dia 18 de junho de 2008, Dia Nacional da Imigração Japonesa, com valor facial de R$ 2 e tiragem inicial de 2 mil peças, sendo que 10 mil peças foram autorizadas. Fontes seguras da Casa da Moeda do Brasil, dizem que só foram cunhadas 2 mil peças de fato e que as outras 8 mil nunca foram cunhadas.  
Moeda comemorativa cunhada pela CMB.
A moeda custava inicialmente R$ 20, dez anos depois pode ser encontrada a venda em sites de comércio eletrônico por valores entre R$ 380,00 e R$ 420,00 Reais, que também é o valor de catalogo para a peça. Em nossa versão contamos com as imagens do navio Kasato Maru e de uma camponesa colhendo caquis, em referência à influência japonesa na agricultura brasileira.

OUTRAS CURIOSIDADES...
Assista ao vídeo e descubra outras curiosidades


Postar um comentário

1 Comentários

  1. olá, tenho moedas trazidas do Japão da imigração japonesa, de 500 yenes. Gostaria de vendê-las, sabe me dizer como fazer?

    ResponderExcluir